INSTITUTO ACQUA DESMENTE ESPECULAÇÕES, SOBRE CONTRATOS DE FUNCIONÁRIOS DO HOSPITAL REGIONAL DR JACKSON LAGO.

13 de abril de 2016 0 Por blogh

instituto acquaO Instituto Acqua, por meio da assessoria de imprensa, informa que, diferentemente do que foi veiculado por blogueiros, o processo seletivo para a contratação de profissionais para atuar no Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr. Jackson Lago, em Pinheiro (MA), foi realizado com total transparência e de acordo com os critérios técnicos estabelecidos em edital publicado no site do Instituto em 17 de setembro de 2015 e amplamente divulgado pela mídia de todo o Estado.

Todos os candidatos aprovados foram convocados por ordem de classificação, sendo chamados para apresentar a documentação exigida em edital para contratação. Os resultados também foram divulgados no site do Instituto, em 23 de setembro, e em jornais de grande circulação do Estado, e eventuais desistências originaram novas convocações de candidatos conforme a classificação obtida no seletivo, de forma a preencher as vagas disponíveis naquele momento.

Entre os critérios avaliados pelo Acqua durante a classificação dos candidatos estavam: formação acadêmica, experiência no cargo pretendido e entrega dos documentos exigidos em edital.

Vale ressaltar que esse foi o primeiro modelo de contratação transparente e aberto à participação da população do Estado depois de décadas, e considerado pioneiro e referência em qualidade para a realização de processos seletivos posteriores. Todos os convocados que assumiram suas vagas por direito são tratados com o devido respeito na unidade, independente da orientação política que possuam, e são contados em assiduidade, compromisso com a população e profissionalismo.

Com 396 vagas disponíveis para diversos cargos de nível Fundamental, Médio e Superior, sendo 20 para pessoas com alguma deficiência, o seletivo contou com a participação de mais de 5 mil pessoas que se inscreveram por meio do site e do e-mail disponibilizado para recebimento das candidaturas. A repercussão na região e a forte procura motivou o governo estadual, inclusive, a ampliar o prazo para que mais pessoas participassem.

O objetivo desse processo foi montar um quadro qualificado de funcionários para o hospital, que foi inaugurado em 28 de setembro pelo Governo do Estado e está sob gestão do Instituto Acqua em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde desde então, tendo realizado neste período cerca de 115 mil serviços à população, entre os quais estão 1.015 cirurgias, distribuídas entre neurocirúrgicas, oftalmológicas, ortopédicas, pediátricas e gerais. No âmbito das consultas médicas foram 8.362 em cardiologia, cirurgia geral, clínica médica, gastroenterologia, neurologia, oftalmologia, pediatria, ortopedia e traumatologia.

Só de consultas da equipe multidisciplinar de nível superior em psicologia, nutrição, fonoaudiologia, fisioterapia, serviços social, entre outras, foram 34.263 atendimentos. Já os procedimentos de apoio e diagnóstico em radiologia, ultrassonografia, tomografia, endoscopia, eletrocardiografia, exames citopatológicos e diagnósticos em oftalmologia, foram 10.257, aliados a 61.513 exames clínicos laboratoriais