Falsas provas do Enem circulam na internet antes da prova.

Falsas provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) circulam pelas redes sociais neste domingo. Nas imagens, é possível ver as capas dos cadernos de prova azul e rosa, além de uma proposta de tema da redação que seria o deste ano.

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) informou a nossa reportagem que as provas não são do Enem 2015.

Enem 2015

As provas serão aplicadas nos próximos dias 24 e 25 de outubro deste ano. O exame tem 7.746.118 inscritos.

Quem ainda não sabe seu local de prova, precisa está atento. Este ano o Ministério da Educação não vai encaminhar a versão impressa pelos Correios.

Outra novidade é que o candidato poderá salvar o cartão em seu computador no primeiro acesso para não ter de voltar ao sistema.

A recomendação do MEC é para que os candidatos visitem o local dias antes do Enem, para evitar imprevistos. Como o Maranhão não entrou no horário de verão, o fechamento dos portões nos dois dias de prova será às 12h.

Por blogh 23 de outubro de 2015 0

Vereador Elizeu de Tantan (PSB), solicita CPI para abrir a caixa preta da educação no município de Pinheiro.

Hoje pela manhã o vereador Eliseu Rodrigues Furtado protocolou o pedido de CPI, junto a mesa Diretora da Câmara Municipal de Pinheiro, para investigar irregularidades na aplicação dos recursos do FUNDEB. O pedido apresentada pelo vereador já consta com assinatura dos 5 vereadores necessários para ser constituída.

Dentre os motivos para a criação da CPI, segundo o vereador estão: ” a má utilização na aplicação dos recursos do FUNDEB e as denuncias constatadas no Relatório feito pela Comissão de Educação da Câmara Municipal, esta constituída pelos vereadores Lucas do Beiradão, João Moraes e Concita de Luis Pajé, outro fator importante são as varias denuncias festas pelo Sindicato Municipal de Educação. Temos material suficiente para respaldar esse pedido e dar uma resposta a sociedade investigando o que de fato acontece na educação conclui  Eliseu de Tantan.

Também é importante o fato de nos últimos seis meses de 2014, o prefeito Filuca Mendes ter utilizado 10 milhões na locação de veículos para transporte escolar deste município, Isto em plena COMPANHA POLITICA PARA ELEIÇÃO DO SEU FIL HO VICTOR.

O prefeito Filuca Mendes tem ganhos significativos com o FUNDEB, mas eles não beneficiam os profissionais da educação como esperado.

Investigação já! O povo de Pinheiro precisa mudar essa realidade.
PINHEIRO MERECE MAIS!

Por blogh 23 de outubro de 2015 0

TRANSPARÊNCIA NA CONTRATAÇÃO DE FUNCIONÁRIOS DO HOSPITAL Dr. JACKSON LAGO É ELOGIADA POR FUNCIONÁRIOS SELETIVADOS.

hospital

O princípio da impessoalidade caracterizou a contratação de profissionais da área da saúde para trabalharem no Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr. Jackson Lago. O hospital foi inaugurado em setembro pelo governador Flávio Dino para atender a mais de 600 mil pessoas da Baixada Maranhense e o modelo de contratação rompeu com a prática de indicação para as vagas, o que ocorria nos anos anteriores na rede estadual de saúde.

“A forma escolhida para selecionar os profissionais foi baseada na vivência profissional, o que na minha avaliação foi justa e eficaz, com isso, temos uma equipe motivada e esforçada a fazer o melhor pela saúde de quem é atendido nesse hospital”, declarou a enfermeira Denise Boas, 30 anos, que comemorou o novo modelo de gestão.

O modelo de contratação também foi destacado pela supervisora de Recursos Humanos (RH), Ana Janaína Santos Ramalho, de 32 anos. “Achei organizada e eficaz a forma como fomos chamados e podemos ver que temos profissionais capacitados, comprometidos com o trabalho que desempenham”, ressaltou.

Foram registradas 5.532 inscrições para preencher as 396 vagas disponíveis para diversos cargos de nível fundamental, médio, técnico e superior. Dentre as vagas, 20 foram ocupadas por pessoas com necessidades especiais. Dentre os critérios avaliados durante a análise dos candidatos estão: a formação acadêmica, a experiência no cargo pretendido e a entrega dos documentos exigidos em edital.

“Por meio desses certames, a pessoa para trabalhar na Rede Estadual de Saúde não depende mais de indicação. Ela pode conquistar uma vaga mediante esforço próprio, estudo e vivência profissional. Esse é o principio da impessoalidade, onde a SES está oportunizando o trabalho a todos, levando em consideração, sobretudo, a qualificação e o mérito”, destacou o secretário de Estado da Saúde, Marcos Pacheco.

Por blogh 23 de outubro de 2015 0