Categoria: Policial

SUSPEITOS DE PRATICAREM ROUBO DE GADO FORAM PRESOS NO BAIRRO DONDONA SOARES EM PINHEIRO

A MOTO APREENDIDA FRUTO DE ROUBO E OS ACUSADOS

A MOTO APREENDIDA FRUTO DE ROUBO E OS ACUSADOS

Após denúncia via telefone a policia foi informada que na Rua da amizade no bairro Dondona Soares, se entrava quatro indivíduos que estariam com uma moto roubada, e que havia chegado nessa casa, pela madrugada com sacos de carnes.

A guarnição se deslocou para o local, e constatou a veracidade da denúncia. Quando a guarnição chegou foi recepcionada por um disparo de arma de fogo, os policiais inciaram a ação adentrando na casa, já no interior da casa foi encontrada a moto fan de cor azul, de placa OJB 3793, e vários sacos com carnes de posse de um suspeito identificado como Paulinho.

Em seguida a guarnição resolveu verificar o quintal da casa ao lado usando uma escada onde foi encontrado Adelino Ferraz e Paulo Raimundo Costa, que estavam escondidos em um buraco, em ato continuo foi feito a prisão de Josenildo Rodrigues, que estava fugindo com uma espingarda, utilizando uma bicicleta que havia acabado de roubar pela rua do fundo.

Adelino Ferraz confirmou ter comprado a carne roubada dos outros elementos. A moto utilizada no transporte da carne foi removida ao Ciretran, e os envolvidos conduzidos ao DP.

CARNE ENCONTRADA PELOS POLICIAS DE POSSE DOS ACUSADOS.

CARNE ENCONTRADA PELOS POLICIAS DE POSSE DOS ACUSADOS.

Por blogh 19 de junho de 2016 0

Nome do ex-presidente José Sarney é retirado de viaduto na cidade de Ribeirão Preto, no interior de São Paulo

Não é apenas no Maranhão onde o nome do ex-senador e ex-presidente da República José Sarney (PMDB-AP) está sendo retirado de bens públicos. Na cidade de Ribeirão Preto, no interior paulista, a prefeita Darcy Veras (PSD) vai cancelar a homenagem dada ele com a denominação de um viaduto, que passará a se chamar Jandyra de Camargo Moquenco, ex-diretora do jornal “A Cidade”.

Ano passado, o governador Flávio Dino (PCdoB), por decreto, tirou o nome de Sarney de pelo menos seis estabelecimentos de ensino e tem na mira outros monumentos e vias públicas, como Ponte do São Francisco, em São Luís; hospital estadual de Pindaré-Mirim, e muitos outros.

Apesar das recentes denúncias trazidas a público com as delações do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, não é o envolvimento no esquema da Lava Jato que está levando a Prefeitura de Ribeirão Preto a tomar essa medida, pois a lei foi aprovada na Câmara Municipal sete anos atrás, depois da citação do ex-presidente em outro episódio, em 2009, quando foi acusado de nomear parentes e fazer uso de atos secretos, quando presidia o Senado, para aumentar salários.
“Para Ribeirão Preto fica muito ruim deixando o nome dele exposto”, afirmou ao jornal O Globo, o presidente da Câmara Municipal, Walter Gomes (PTB), autor do projeto de lei em 2009.Para o vereador, a mudança é um presente para a cidade, que completará 160 anos neste domingo (19). Segundo o vereador, caso existam mais homenagens a envolvidos na Lava-Jato, elas serão retiradas.
O viaduto foi inaugurado em 1986, quando José Sarney era presidente da República, pelo prefeito João Gilberto Sampaio. A cidade mantém duas avenidas com nomes de ex-presidentes do regime militar, Castelo Branco e Costa e Silva, e uma praça chamada Emilio Garrastazu Médici
Por blogh 18 de junho de 2016 0

ASSALTANTE É MORTO EM CONFRONTO COM A POLÍCIA NO BAIRRO DE PACAS

assassss

Ronielson Araújo, vulgo “Roni da Bubalina”

Hoje (16) por volta de 11 horas da manhã uma equipe da Polícia Militar que voltava de uma diligência no povoado Pedrinha dos Fugaças foi surpreendido por duas estudantes do IFMA – Instituto Federal do Maranhão, bastante abaladas informaram a guarnição que haviam sido assaltadas instantes antes da passagem da polícia pelo local, por dois indivíduos em uma moto cinza de placa NWS- 9902, imediatamente o Comandante da equipe informou a guarnição do Bairro de Pacas, visto que os assaltantes seguiram o sentido do bairro, para ficarem de prontidão, por azar dos assaltantes que “bateram” de frente com a viatura já no trabalho de busca.

Os acusados empreenderam fuga sendo interceptados próximo ao Povoado Segredo em Pacas. Um dos acusados identificado como Lucas Vinicius Barros Nascimento, 18 anos, tentou correr mais foi preso e não ofereceu resistência à prisão, no entanto o segundo envolvido e velho conhecido da Polícia Ronielson Araújo, vulgo “Roni da Bubalina” entrou no mato efetuando disparos contra a Viatura de PACAS.

Foi feito uma mega operação onde três viaturas cercaram o local com o intuito de prender o último acusado, no entanto no segundo confronto o acusado efetuou mais disparos na direção dos Policiais. No segundo confronto o acusado foi alvejado, a guarnição ainda chamou a ambulância e o acusado foi socorrido pela equipe do Corpo de Bombeiros mas não resistiu ao ferimento.

Com os acusados foram encontrados 01 Revólver Cal. 38/Numeração suprimida com 3 Munições deflagradas e 1 intacta, 1 Celular Samsung Gran Prime Duos Branco de uma das vítimas, 01 Motocicleta Honda Fan com Placa Clonada NWS-9902 e chassi n° 9C2KC1680BR307698 com chaves, 01 capacete de motocicleta preto e 01 Bolsa Carteira.

assa

Lucas Vinicius Barros Nascimento

assas

Material apreendido com os acusados

Por blogh 16 de junho de 2016 0

Pesquisa: Filuca Mendes perde feio para oposicionistas em Pinheiro

Luciano Genésio (PP), Dr. Leonardo Sá (PCdoB) e Filuca Mendes (PMDB)

Luciano Genésio (PP), Dr. Leonardo Sá (PCdoB) e Filuca Mendes (PMDB)

O atual prefeito de Pinheiro, Filuca Mendes (PMDB) perderia para qualquer um dos dois principais pré-candidatos da oposição se a eleição fosse hoje. É o que aponta a pesquisa do Instituto Econométrica. Luciano Genésio (PP) e Leonardo Sá (PCdoB) vencem o sarneysta.

A pesquisa do Instituto de Pesquisa Econométrica, registrada sob o número MA-06001/2016, no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. Foram ouvidas 481 pessoas em 21 bairros da cidade e 10 povoados de Pinheiro. A margem de erro é de 4,3%.

No primeiro cenário, Luciano Genésio lidera com 31,8%, Leonardo Sá tem 27%, Filuca aparece com 25,6% e Antônio Américo (PPS) tem 2,7%. Não votariam em nenhum deles 7,3%  e outros 5,6% não souberam ou não responderam.

Mesmo com a liderança, Luciano tem números bem menores do que em pesquisas do ano passado.

Confrontos diretos

O prefeito Filuca perde feio par qualquer um dos dois principais oposicionistas no confronto direto. Leonardo vence com 46,2% contra 28,5% do atual prefeito.

Já Luciano Genésio tem 49,3% contra 29,5% de Filuca caso tenham apenas as duas candidaturas.

Rejeição

No quesito rejeição, a pré-candidatura de Leonardo Sá aparece como mais viável do campo oposicionista. Filuca Mendes é altamente rejeitado com 47,6%. Luciano Genésio tem 18,5% de eleitores que não votariam nele de jeito nenhum. Antônio Américo é rejeitado por 11,4%. Leonardo Sá tem 9,8% de rejeição. Outros 12% não souberam ou não responderam.

Por blogh 16 de junho de 2016 0

Econométrica mostra Luciano Genésio em queda livre em Pinheiro

luciano-tv

A situação de Luciano Genésio (PP) não está tranquila e nem favorável na cidade de Pinheiro. Depois de ter um padrinho cerca velha, Waldir Maranhão (PP), Genésio parece não estar respirando bons ares na principal cidade da Baixada maranhense.

Acontece que o discípulo de Waldir Maranhão apresentou uma grande queda nas intenções de voto, em pesquisa encomendada pelo Blog Marrapá ao Instituto de Pesquisa Econométrica, registrada sob o número MA-06001/2016, no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão.

De 40%, em junho no ano passado, segundo levantamento realizado pelo Instituto Exata, Luciano Genésio agora conta com 32% em intenções de voto. E quem está em empate técnico com ele, considerando a margem de erro, é o médico Leonardo Sá (PCdoB), que tem 27,7% das intenções de voto. Filuca Mendes (PMDB) aparece em terceiro, com 26,6%.

Antes de despencar para os 32%, Genésio ainda passou pela casa dos 36%, em dezembro de 2015, em pesquisa também realizada pelo Instituto Exata.

A pesquisa mostrou também que Leonardo Sá tem larga vantagem em um confronto direto com Filuca Mendes (PMDB). O comunista venceria facilmente o peemedebista, de lavada, por 46,2% a 28,5%.

REJEIÇÃO

De acordo com a Econométrica, o pré-candidato mais desprezado em Pinheiro é o atual prefeito, que está com uma rejeição de 47,6%, seguido por Luciano Genésio, que tem a antipatia de 18,5% da população pinheirense. Leonardo Sá é o pré-candidato com a menor rejeição do município: 9,8%.

Leonardo Sá é um pré-candidato de nome leve, que facilmente será trabalhado em Pinheiro. Tanto que ganhou a adesão de 8 partidos mais o seu, o PCdoB, totalizando uma coalizão de 9 legendas, a maior anunciada até agora em toda a região.

Além do apoio político de peso, isso significa um grande tempo de televisão e, consequentemente, maior tempo para exibir suas propostas para os pinheirenses.

Recentemente, Luciano Genésio perdeu o apoio do Solidariedade e está com relação estremecida com o PSDB, uma grande ameaça para sua futura candidatura, que deve ficar esvaziada.

PROBLEMAS

A pesquisa ouviu 481 pessoas em 21 bairros da cidade e 10 povoados do município. A maior reclamação dos pinheirenses diz respeito ao asfalto, ou melhor, à falta dele.

Um total de 33,3% da população afirma que o asfalto é o pior problema da cidade. O que é facilmente constatado por quem se dispõe a percorrer, atualmente, as ruas da cidade, que estão em total estado de precariedade.

Saneamento básico também é apontado como um dos grandes problemas de Pinheiro. 15,8% da população reclama da falta de saneamento, que é percebida a olho nu, com grandes valas e esgotos a céu aberto em toda a Princesa da Baixada.

A Saúde figura como um problema urgente a ser resolvido, de acordo com 14,3% dos pinheirenses. E nos povoados, a insatisfação em relação à Saúde cresce para 29,9% dos entrevistados.

Por blogh 16 de junho de 2016 0

GRAVAÇÃO FLAGRA SARNEY E CHIQUINHO TRAMANDO PARA TIRAR RIBAMAR ALVES DA CADEIA

No áudio feito em fevereiro e obtido pela Folha, Chiquinho disse querer o apoio de Sarney para interferir junto a desembargadores do Tribunal de Justiça do Maranhão para tirar Alves da prisão. Ele justifica que isso seria interessante politicamente, pois eles teriam, com isso, a prefeitura “na mão”.

ETO7521-500x333

Ex-deputado foi até a casa de Sarney após ser procurado pela esposa do prefeito preso, Luana Alves.

Folha de São Paulo – Após pedido de um aliado, o ex-presidente José Sarney (PMDB-AP) prometeu fazer um “aceno” pelo prefeito de Santa Inês (MA) Ribamar Alves, que foi preso em flagrante, no dia 29 de janeiro, pelo crime de estupro de uma jovem de 18 anos.

Alves ficou quase um mês no Presídio de Pedrinhas (MA), conhecido pelas constantes rebeliões violentas.

O “aceno” foi prometido por Sarney durante conversa em sua casa com o ex-deputado Chiquinho Escórcio (PMDB-MA), aliado do ex-presidente. O diálogo foi gravado pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado, delator da Operação Lava Jato.

No áudio feito em fevereiro e obtido pela Folha, Chiquinho disse querer o apoio de Sarney para interferir junto a desembargadores do Tribunal de Justiça do Maranhão para tirar Alves da prisão. Ele justifica que isso seria interessante politicamente pois eles teriam, com isso, a prefeitura “na mão”.

Sarney e Machado conversavam sobre a Lava Jato quando foram interrompidos pela chegada do ex-deputado. Machado lia para Sarney o pedido de busca e apreensão do qual foi alvo em um desdobramento da operação no fim do ano passado.

Considerado integrante da tropa de choque de Sarney, Chiquinho não se intimidou com a presença de Machado e explicou seu plano. Ele afirmou ainda que o procurou a pedido da família de Alves.

Ele inicia a fala dizendo que reconhece o ressentimento entre Sarney e Alves, mas faz um apelo.

“Eu trouxe um assunto aí que é político lá do Maranhão. Ribamar Alves está preso. Mandou (…) lhe procurar. Quer sentar no seu colo, pedir perdão, fez tanta injustiça com o senhor, o senhor foi amigo do pai dele, é, inclusive, padrinho do irmão dele. Está numa situação… A mulher dele quer vir aqui”, afirmou o ex-deputado.

Na sequência, Chiquinho disse que já tinha desenhado a estratégia para ajudar o prefeito de Santa Inês.

“Eu já tenho a saída toda pontilhada. Quem são os nossos amigos e tal. Temos um voto [a favor] e um voto contra. Está faltando um voto. Vou almoçar agora com o desembargador que pode ser esse desembargador ou [inaudível]”, completou.

‘PREFEITURA NA MÃO’

1454086678-305365385

Alves foi preso no dia 29 de janeiro deste ano, após ter sido apontado como autor do estupro de uma jovem de 18 anos.

O ex-deputado disse que iria fazer as tratativas com Franklin Seba, que é ex-presidente da Câmara de Vereadores de Santa Inês e aliado do prefeito que fora preso.

“Como o negócio é na quinta-feira… para ver como a gente faz. Eu sei que o senhor tem coração deste tamanho. Aí eu disse, acho até que é interessante politicamente porque nós podemos ter aquela prefeitura na mão”, afirmou.

Chiquinho pede uma posição de Sarney sobre o caso. “O que eu puder ajudar, eu ajudo”, disse o ex-presidente.

“Ele [Seba] quer saber se o senhor recebe para conversar essa ladainha toda com o senhor. Acho que é importante. Ele veio do Maranhão por conta disso”, reforçou.

Sarney questionou: “Para conversar comigo?”

Chiquinho explicou a posição. “É, eu venho com ele. Converso com o senhor e o senhor diz que o Chiquinho toma conta. Eu tenho a saída tanto lá como aqui. […] O senhor já perdoou tanta gente.”

“Eu não tenho nada disso”, disparou o ex-presidente. “Posso fazer aceno… Uma hora que você vier aí, você vem com ele.”

Animado, Chiquinho deixou a conversa sustentando que iria para o almoço com o desembargador e retornaria para a casa de Sarney e afirmou: “já viu né, é desse jeito. Um beijão no coração”.

No dia 25 de fevereiro, Alves passou a cumprir pena alternativa em substituição à prisão. A decisão foi da Segunda Câmara Criminal do TJ do Maranhão por 2 votos a 1. O julgamento foi justamente numa quinta-feira, como havia dito o ex-deputado na conversa com Sarney.

Segundo procuradores, o diálogo gravado por Sérgio Machado teria ocorrido dois dias antes da decisão do TJ.

OUTRO LADO

DSCF8558

A pedido de Luana Alves, vereador Seba procurou José Sarney para influenciar na Justiça…

A defesa do ex-presidente José Sarney afirmou que ainda não teve acesso às gravações feitas pelo ex-presidente da Transpetro. O advogado Antônio Carlos de Almeida Castro, o Kakay, afirmou, no entanto, que não identificou nos trechos relatados nenhum indício de conduta criminosa.

O ex-deputado Chiquinho Escórcio (PMDB-MA) afirmou inicialmente à reportagem que não se recordava da conversa. Em um segundo contato, disse que na verdade foi procurado pela mulher do prefeito e por um vereador da cidade em busca de um contato com Sarney para ajudá-lo.

Negou, porém, que tenha se encontrado com um desembargador que julgaria o caso de Ribamar Alves.

Escórcio disse que avisou Sarney do contato, mas que o ex-presidente estava adoentado e não pôde recebê-los. Afirmou ainda que não tomou nenhuma medida para ajudar o prefeito. “O que eu poderia fazer?”, disse.

Procurados, Alves e Franklin Seba não foram localizados pela reportagem para comentar o diálogo.

Por blogh 15 de junho de 2016 0

SUSPEITOS SÃO PRESOS POR ROUBO DE MOTO NA VILA ZÉ ARLINDO

acusadas

Raimunda Cristina Rodrigues Souza, Andreia Valesca Soares Reis, Lucas Mateus Ferraz, Luis Carlos Dores (Neném)

Ontem (14) por volta das 14 horas o batalhão de policia recebeu uma ligação denunciando que na Rua das Andorinhas, bairro Vila Zé Arlindo encontrava-se duas motos que possivelmente eram frutos de roubos. A guarnição deslocou-se até o local e com o apoio da equipe do GOE, ao chegar na citada casa foi recebida por Raimunda Cristina Rodrigues Souza, ao abrir a porta foi avistado a bis branca e perguntado a mesma quem havia deixado,ela não soube responder. Foi pedido permissão para adentrar ao interior da residência e foi concedido, e logo também foi localizada uma Bros vermelha.

Com a averiguação dois suspeitos tentaram fugir pelo quintal da casa, no intuito de capturar os que tentavam fugir a policia encontrou no fundo da casa as duas motocicletas. Foi dado voz de prisão para os suspeitos Raimunda Cristina Rodrigues Souza, Andreia Valesca Soares Reis, Lucas Mateus Ferraz, Luis Carlos Dores(Neném) todos conduzidos ao DP para prestarem esclarecimentos.

 

Por blogh 15 de junho de 2016 0

NOVO PROCURADOR -GERAL DE JUSTIÇA DO MPMA TOMOU POSSE NA NOITE DE HOJE

Luiz Gonzaga Martins Coelho ingressou no Ministério Público do Maranhão em 3 de janeiro de 1994, como promotor de justiça substituto. Ele atuou na 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Timon, na década de 90.

Ademar Ademar Foto 2

Novo procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho

A sessão solene de posse do procurador-geral de justiça, Luiz Gonzaga Martins Coelho, nomeado para o biênio 2016-2018, aconteceu nesta terça-feira, às 19h, no auditório da nova sede da Procuradoria-Geral de Justiça (Av. Carlos Cunha – s/n – Calhau). Participaram da cerimônia autoridades do Ministério Público Maranhão e de outros estados e dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário.

Pela manhã, como parte da programação, será celebrado um culto ecumênico, às 9h, no mesmo local.

Luiz Gonzaga Martins Coelho irá substituir Regina Lúcia de Almeida Rocha que ocupou o referido cargo durante dois mandatos, de 2012 a 2014 e de 2014 a 2016.

O novo procurador-geral de justiça foi nomeado pelo governador Flávio Dino em 30 de maio, após ser eleito para a lista tríplice do MPMA, no pleito realizado no dia 16 de maio.

PERFIL

Luiz Gonzaga Martins Coelho ingressou no Ministério Público do Maranhão em 3 de janeiro de 1994, como promotor de justiça substituto. Foi titularizado na Comarca de Olho D’Água das Cunhãs, de onde foi promovido, por merecimento, para a 2ª Promotoria de Justiça de Presidente Dutra.

Em maio de 1998, foi promovido para a 2ª Promotoria de Justiça da Comarca de Timon, mais uma vez pelo critério de merecimento. O promotor foi titular, ainda, de promotorias nas Comarcas de Caxias e Bacabal. Desta última foi promovido, em 2012, para São Luís. Na capital, ocupa a 28ª Promotoria de Justiça Especializada, com atribuições na área da infância e juventude.

Luiz Gonzaga Coelho também foi presidente da Associação do Ministério Público do Estado do Maranhão, no período de 2004 a 2007. Fonte: CCOM-MPMA

Por blogh 14 de junho de 2016 0

Ministro do STF deve analisar nesta terça pedido de prisão de Sarney

sarney-agbr-1280x720

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki deve analisar, nesta terça-feira (14), o pedido de prisão do ex-senador José Sarney (PMDB) e também do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), do senador Romero Jucá (PMDB-RR) e do presidente afastado da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Os pedidos partiram do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, e a expectativa é de que Teori leve os pedidos a julgamento no plenário da Corte a qualquer momento. Após repercussão do caso, Janot negou que tenha feito os pedidos de prisão da cúpula do PMDB, mas ontem (13) pediu que o diretor-geral da Polícia Federal, Leandro Daiello, investigue como os pedidos vazaram para a imprensa.

Ao justificar o pedido de prisão domiciliar do ex-senador José Sarney, o Ministério Público Federal descreve a atuação do ex-presidente como a do “capo di tutti capi”, ou “chefe de todos os chefes” do PMDB.

Em depoimentos da delação premiada, Sérgio Machado, ex-presidente da Transpetro, disse que repassou aproximadamente R$ 20 milhões de propina para Sarney durante o período que esteve à frente da estatal. José Sarney recebeu uma parte da propina por meio de doações eleitorais. O resto foi entregue em dinheiro vivo.

Procuradores dizem que nada acontecia no esquema de propina para o PMDB sem a bênção de Sarney.

Em conversas gravadas por Machado, Sarney aparece discutindo meios de barrar as investigações da Operação Lava-Jato.

Por blogh 14 de junho de 2016 0

DEP. OTHELINO NETO DESTACA NA TRIBUNA DA ASSEMBLÉIA EVENTO QUE LANÇOU A PRÉ-CANDIDATURA DO DR. LEONARDO A PREFEITURA DE PINHEIRO

O deputado disse, na tribuna, que Pinheiro está a menos de quatro meses de mudar a sua história

O deputado disse, na tribuna, que Pinheiro está a menos de quatro meses de mudar a sua história

O deputado estadual Othelino Neto (PCdoB) destacou, na sessão desta quinta-feira (09),  o lançamento do “Diálogos por Pinheiro” e também da pré-candidatura a prefeito do médico e vereador Leonardo Sá (PCdoB), ex-diretor do Hospital Regional Jackson Lago, localizado na Baixada Maranhense, que se desincompatibilizou, em atendimento à legislação eleitoral, para disputar a eleição. Segundo o parlamentar, foi um evento marcante, com cerca de quatro a cinco mil pessoas, surpreendendo inclusive a todos.

“Nós chegamos e vimos aquela quantidade de pessoas presentes e entusiasmadas com o movimento que surge em Pinheiro e que representa uma alternativa real de mudança para a cidade. Quando percebemos o entusiasmo da população com o lançamento do Diálogos por Pinheiro e também o carinho com o pré-candidato Leonardo Sá, vimos como aquela população está frustrada com o atual modelo, com a atual administração que deixa a cidade em estado de abandono e aponta para um novo caminho”, comentou o deputado.

Para Othelino Neto, a população de Pinheiro demonstrou, naquele momento, que quer olhar para frente, que deseja um modelo diferente e uma mudança de verdade na cidade. O deputado aproveitou para agradecer as presenças no evento do deputado Josimar de Maranhãozinho, que fez um belo discurso, demonstrando porque lidera tão bem não só o seu município, mas os demais da região.

Othelino citou ainda a presença do deputado Rogério Cafeteira (PSC), do suplente de deputado Fernando Furtado (PCdoB), do deputado federal Rubens Júnior  (PCdoB), da prefeita de Centro do Guilherme, Dona Detinha, etc. E destacou as manifestações de apoio do presidente estadual do partido, Márcio Jerry, do deputado Neto Evangelista (PSDB), secretário de Desenvolvimento Social do Estado, e dos deputados Bira do Pindaré (PSB) e Weverton Rocha (PDT).

“Enfim, foi um evento bastante prestigiado e nós ficamos realmente muito satisfeitos com a população de Pinheiro que deu uma boa resposta, demonstrando que ela quer mudar os rumos daquela cidade. Um evento forte politicamente, com muito calor humano, com o entusiasmo das pessoas. Era de emocionar”, frisou Othelino Neto.

O deputado disse, na tribuna, que Pinheiro está a menos de quatro meses de mudar a sua história e de construir um novo momento para aquela cidade, que é um sentimento geral. Segundo Othelino, o Maranhão começou a mudar com a eleição do governador Flávio Dino e é preciso consolidar, em diversos municípios, essa mudança para que a população do Estado possa, não só ter um governo novo com atitudes novas para contemplar os que mais precisam, mas também para que a nova safra de prefeitos esteja com essa mesma conduta.

Por blogh 10 de junho de 2016 0